Luísa DalArtesa

Luísa DalArtesa
Welcome

Monday, August 27, 2012

Japão _ uma admirável nação em constante desafio e reconstrução

O Japão tem sido alvo de fenômenos e de situações de emergência há algum tempo. Lamentavelmente, nem bem se reconstituindo de outras catástrofes, ontem, dia 26 de agosto de 2012, na região de Okinawa, um tufão chegou ao país neste domingo, o mais forte em mais de seis décadas. Denominado "Bolaven", este  se move ao sul do Japão, com ventos de 213 quilômetros por hora. As rajadas do fenômeno são de até 260 quilômetros por hora. Segundo o histórico de metereologia, este tufão foi o pior a atingir a província de Okinawa, desde 1956. O "Bolaven" deixou 27 mil pessoas sem energia elétrica.  Em 29 cidades, 400 pessoas buscaram refúgio em abrigos montados pelo governo. Depois do Japão, o "Bolaven" segue em direção à China, chegando também à península coreana. Apesar de tudo, a força e a capacidade de regeneração do povo japonês é admirável. Velha conhecedora do povo japonês e de sua cultura, eu me alegro com esta capacidade. Este é um aspecto que sempre ressalto em tudo o que posso escrever, falar ou retratar sobre o país e sua gente, porque é um aspecto que estudo há alguns anos desde o ocorrido em Hiroshima, quase vinte anos antes de meu nascimento, mas que me tomou muitas horas lendo acerca de todo o processo que envolveu a recuperação da nação japonesa.
A regeneração em face de ataques, catástrofes e outras situações alarmantes não é uma virtude de todos, infelizmente. Algumas nações levaram muito tempo e outras nem sequer se levantaram de certos inconvenientes e de destruições em pós-guerras, conflitos e fenômenos naturais. Em minhas pinturas retrato muito do Japão. Torço para que mais uma vez busquem em sua sabedoria e resignação toda a força necessária para passar mais esta situação desafiadora. Gambatte!


'Em Expectativa' _ acrílico sobre tela de 2011

Friday, August 10, 2012

Ironia Artística

"Odeio flores ' esta afirmação, segundo o New York Herald Tribune de 18 de abril de 1954, foi da pintora Georgia O'keefe, que ficou famosa curiosamente pelo fato de pintar flores em grandes e menores dimensões. Segundo o Herald da época ela completou: _" Eu os pinto porque eles são mais baratos do que os modelos e eles não se movem! "Claramente não são por noções românticas ou ligações emocionais..._ "Tratava-se de começar o trabalho feito."


Veja só!...'It was about getting the work done.'


Bem, eu pinto flores, muitos trabalhos meus foram flores, inclusive, grandes telas abstratas, que na realidade eram inspiradas nas flores. As flores para mim, são o toque divino na decoração do mundo! sempre que digo esta frase, que pensei num dia, quando eu pintava um quadro em tempo recorde para uma exposição que eu participaria em São Paulo e nem tinha ainda uma única tela, acabou também conhecida.


Se pararmos para pensar na beleza de campos e de bosques, de jardins por todos os séculos desde o Éden, desde os suspensos, são, sim, a decoração, o toque de beleza na paisagem do mundo. As variedades são tantas, tantas, as famílias botãnicas, as cores, os estilos, que parece que nunca terminarão o estoque maravilhoso de espécimes florais. Amo flores...para pintar, só não gosto de recebê-las. Prefiro vê-las em seus respectivos habitats.

"Amapolas" (Off Bienal III)

"Branca no espelho dágua"

"Cena de Primavera" (Off Bienal III)


"Espevitadas"


"Como os Girassóis"

"Red Bouganvillies"
"Pur Blanca"



"Flor de Cactus do Jequiá"
"Begônias do Sudeste"

"Pendulos"



"Majestosas"
"Flores são o toque Divino na decoração do mundo." (Luísa Dalartesa)

Paul Young, Darius Fulmer e George Guimarães: Animal Rights 2012

George Guimarães, presidente da ONG VEDDAS foi convidado para palestrar na maior e mais antiga conferência de direitos animais do mundo. Com 30 anos de história, a Animal Rights National Conference reúne anualmente nos EUA mais de 1.000 ativistas vindos de todo o mundo para 5 dias de palestras, oficinas, lançamentos de vídeos, premiações e troca de experiências. A edição desse ano acontece de 02 a 06 de agosto na capital do país e contará com 80 palestrantes representando 60 organizações.

No mesmo recinto convivem ativistas da Sea Shepherd que lutam contra a caça de baleias a bordo de navios na Antártida (inclusive o próprio Capitão Paul Watson em muitas das edições anteriores), Jerry Vlasak que faz o trabalho de assessoria de imprensa da clandestina ALF (Frente de Libertação Animal), membros de grupos que conduzem investigações de abusos contra animais em fazendas e laboratórios, fundadores de organizações do cacife da PETA, celebridades que dão voz aos animais tais como a atriz Alicia Silverstone e o músico Moby, ex-prisioneiros políticos como Peter Young e Darius Fulmer que já cumpriram penas de mais de um ano de prisão como consequência de suas ações em prol da vida animal e muitos ativistas com décadas de história de lutas e conquistas pelos direitos animais.


O presidente da ONG VEDDAS, George Guimarães, que também é nutricionista especializado em dietas vegetarianas, comporá as mesas com os temas “Wildlife Campaigns: reports on campaigns to stop extermination of animals on land and water” e “Nourishing Activism: benefits and concerns of a vegan diet”.

Para saber mais acesse: www.veddas.org.br

Thursday, August 02, 2012

Porque a Arte tem de fazer parte da nossa vida!



No período de 07 a 14 de outubro de 2012, a Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa, a Bunkyo, situada no bairro da Liberdade em São Paulo, realizará a 6ª Grande Exposição de Arte Bunkyo com a presença de muitos artistas ( inclusive eu). Uma coletiva muito bem elaborada que dará gôsto ver de perto, (os trabalhos escolhidos são lindos) portanto, não deixem de comparecer para a visitação. Os horários e dias serão divulgados mais à frente. A Sociedade em breve divulgará os detalhes da mostra e para maiores informações sobre o imperdível evento deste ano, podem acessar o site da sociedade, o endereço é www.bunkyo.org.br.

A Bunkyo sempre tem atividades ligadas a cultura e áreas sociais, um trabalho muito bonito, realizado com esmero.

 Antes, agora este mês, no dia 2 de agosto, às 15h, se inicia a exposição reunindo todos os trabalhos enviados, que permanece aberta até o dia 5 de agosto. Neste período, o corpo de jurados já se encarregou de selecionar os 200 trabalhos que serão enviados ao Japão para o 20º Concurso Mundial de Pintura Infantil.

Hoje, eu tive a alegria de ver de perto os trabalhos das crianças que estão participando do 20º Concurso Mundial de Pintura Infantil (Sekai Kodomozuga Contest) que, anualmente, se realiza no Japão, coordenado pela Ie-no-Hikari Association.


Começa, no próximo dia 5 de agosto, a seleção dos trabalhos de pintura infantil que participarão e estará aberta ao público.  Um dos coordenadores deste evento, é o ator e artista plástico Kenichi Kaneko e ele destaca que o Brasil tem tido uma participação expressiva nesse concurso.

Na 19ª edição, em 2011, foram enviados 25.773 trabalhos feitos por alunos de 6 a 15 anos, de 71 nações e regiões do mundo!! O júri, nomeado pela organizadora Ie-no-Hikari Association, distribuiu 321 prêmios, sendo Prêmio Memorial – 20, Ouro – 20, Prata – 40, Bronze – 60 e Menção Honrosa – 81.


A Bunkyo promove eventos culturais maravilhosos, vale a pena estar por dentro das novidades.

Segue aqui os dados para a visitação, não deixem de levar a família e principalmente as crianças! É lindo de se ver, pois emociona! Futuramente algumas fotos das obras infantis serão colocadas aqui.

20º Concurso Mundial de Pintura Infantil


Abertura: 2 de agosto, quinta-feira, às 15h

Visitação: dias 3 e 4 de agosto, das 10h às 17h
dia 5 de agosto, das 10h às 15h

Local: Museu de Arte Nipo-Brasileiro

Rua São Joaquim, 381 – 1º andar – Liberdade – São Paulo – SP (próx. Estação São Joaquim do Metrô)

Realização
ADESC – Associação Cultural dos Departamentos de Senhoras Cooperativistas Comissão de Artes Plásticas do Bunkyo